Atirou em policiais da Choque em Maringá e acabou morrendo durante confronto


Marlon Salgado de Souza de 26 anos de idade morreu na madrugada deste sábado após entrar em confronto com a equipe Choque da PM de Maringá. Os policiais tentaram abordar no conjunto Requião um veículo Fox conduzido pelo Marlon, ele não parou, empreendeu fuga e no bairro Colina Verde abandonou o carro e entrou num mato próximo da rua Elionildo Dena. 

Os policias foram atrás e o suspeito atirou contra a equipe que revidou acertando o Marlon. O Siate foi acionado, mas devido a gravidade dos ferimentos acabou entrando em óbito no local. A polícia também foi até a casa do rapaz e no local apreendeu uma submetralhadora, um adaptador que pode transformar uma pistola em metralhadora, dezenas de buchas de cocaína, maconha, bastante crack e grande montante em dinheiro.  Com o rapaz os policiais apreenderam uma pistola. A polícia também apurou que o mesmo tinha saído há pouco tempo da cadeia. 

sábado, 30 de dezembro de 2017
Jovem vem visitar amigo em Maringá e morre afogado no parque do Ingá


Gabriel Nascimento de 20 anos e o amigo Marcelo França de Godói de 18 anos residiam em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba. Marcelo mudou para Maringá e estava morando na cidade. Gabriel veio visitar o amigo e infelizmente durante a madrugada os dois invadiram o Parque do Ingá, se apoderaram de um pedalinho e no ponto mais fundo do lago a embarcação afundou. Marcelo e Gabriel caíram na água, os dois tentaram nadar até a margem, Marcelo saiu da água, mas infelizmente o Gabriel Nascimento não teve a mesma sorte e morreu afogado.

Já no início da manhã os bombeiros iniciaram buscas e só por volta das 14hs o corpo do jovem foi localizado pelos bombeiros  perto de onde a embarcação afundou. A prefeitura de Maringá emitiu uma nota informando que depois desta tragédia o município vai adotar outras medidas de segurança no local.

O local onde o corpo foi localizado é um dos pontos mais fundo do lago com aproximadamente 7 metros de profundidade. O rapaz que conseguiu sobreviver passou algumas horas em observação na UPA zona sul. O mesmo foi medicado e no início da tarde foi liberado para auxiliar os bombeiros com informações do local onde o pedalinho afundou, e por onde saiu da água. Meus sentimentos a família.




sexta-feira, 29 de dezembro de 2017
Mulher de 61 anos é atingida por bala perdida em Sarandi


Uma desavença entre dois homens acabou em disparos de arma de fogo e uma mulher de 61 anos atingida por uma bala perdida na tarde desta sexta-feira no Jardim Ana Eliza em Sarandi. De acordo com informações da cunhada do homem que era o alvo dos disparos, dois rapazes foram até a residência na rua Barão de Mauá e tentaram matá-lo, mas nenhum dos tiros acertaram o desafeto.

Uma senhora de 61 anos por nome de Luzia Presinati que estava lavando roupas na sua residência na rua Imperatriz Leopoldina, acabou atingida por uma bala perdida. Ela foi socorrida por familiares e encaminhada ao hospital Santa Rita com ferimentos nas nádegas. 

No local onde ocorreram os disparos os policiais localizaram um menor com um revólver calibre 22 e 10 munições intactas. O revólver foi apreendido e o menor de 15 anos detido e encaminhado para a delegacia para explicar de quem era a arma e porque estava com ele. Os suspeitos envolvidos nos disparos não foram localizados. A polícia está investigando o caso. 

Jovem de 26 anos morre após ser baleado em Mandaguaçu


O crime ocorreu na noite desta quarta-feira na Vila Guadiana em Mandaguaçu. Após ser alvejado por um tiro no peito, populares rapidamente socorreram a vítima identificada como Maicon Rodrigues de Oliveira de 26 anos (vulgo Zóio) e o levaram ao hospital São Lourenço.

Minutos após dar entrada na unidade de saúde o rapaz não resistiu e veio á óbito. A polícia foi acionada e investiga o assassinato. O corpo foi recolhido e encaminhado ao IML de Maringá. 

Populares informaram que a vítima foi surpreendida por dois homens ocupando uma motocicleta que chegaram atirando. Maicon Rodrigues era acusado de matar uma pessoa num bar em Mandaguaçu. A polícia está investigando para saber se o crime ocorrido há mais de 1 ano têm ligação com o assassinato da noite desta quarta-feira. 

quarta-feira, 27 de dezembro de 2017
Copel Telecom Maringá Vôlei busca captação pela Lei de Incentivo ao Esporte



O Copel Telecom Maringá Vôlei, que disputa a Superliga Masculina de Vôlei 2017/18 tem a expectativa de fazer mais investimentos com o apoio de empresas e pessoas físicas por meio da Lei de Incentivo ao Esporte (LIE). O valor máximo de captação pelo Ministério do Esporte para este ano é de até R$ 1,813 milhão. Empresários e apoiadores do esporte podem ingressar no projeto até o próximo dia 29. O Copel Telecom Maringá Vôlei tem propagado no nome da cidade na disputa do campeonato nacional de alta performance e atraído milhares de torcedores nas partidas em casa, no ginásio Chico Neto.

O levantador Ricardinho, que foi campeão olímpico pela seleção brasileira de vôlei é um dos atletas do time e também mantém em Maringá o Núcleo de Vôlei Ricardinho (NVR), que hoje atende cerca de 300 crianças e adolescentes de 7 a 17 anos. O NVR é um projeto criado pelo levantador e presidente do Copel Telecom Maringá Vôlei para proporcionar um futuro mais promissor aos jovens. É totalmente gratuito e, por isto, demanda custos, pois são contratados professores, técnicos e existem gastos com bolas, lanches, uniformes, materiais, suporte familiar e comportamental. Segundo Ricardinho, o time precisa de mais patrocinadores para fazer investimentos em atletas porque a Superliga é altamente competitiva. “Os maringaenses são apaixonados pelo voleibol e mostram isso quando a equipe joga em casa. Então temos que trazer alegria à torcida e também propagar o nome da cidade com as conquistas do time na competição nacional que disputamos”, disse. Para Ricardinho, a Lei de Incentivo ao Esporte é uma ótima oportunidade para empresas e pessoas físicas de testemunharem o crescimento do esporte e garantia de uma vida melhor para crianças e adolescentes que precisam de apoio. “A modalidade esportiva cresce, são criados mais empregos diretos e indiretos e o investimento não custa nada para a empresa ou apoiador porque é incentivo fiscal”, comentou.

 Sobre a lei

 A Lei de Incentivo ao Esporte (11.438) foi sancionada em dezembro de 2006 e é hoje importante instrumento para o esporte em todas as regiões do País porque estimula pessoas e empresas a patrocinar e fazer doações para projetos esportivos e paradesportivos em troca de incentivos fiscais. Para pessoa física, a destinação pode chegar a 6% no valor do Imposto de Renda devido. Cabe ao contribuinte decidir se quer usá-lo em sua totalidade no incentivo ao esporte. Já para pessoa jurídica tributada com base no lucro real - multinacionais, conglomerados dos setores bancário, industrial, de transporte aéreo e empresas de telecomunicações -, a destinação é de até 1% sobre o imposto devido. 

Dados Processo: 58701.005998/2015-14
Proponente: Volei Brasil Centro de Excelência
Título: Volei Brasil Centro de Excelência
Registro: 02PR137612014
Manifestação Desportiva: Desporto de Rendimento CNPJ: 18.490.606/0001-18
Cidade: Maringá UF: PR
Valor autorizado para captação: R$ 1.813.059,49
Dados Bancários: Banco do Brasil Agência nº 0352 DV: 2

Polícia Militar testa reconhecimento biométrico nas viaturas



Os testes acontecem em viaturas que atuam no durante o Verão Paraná 2017/2018 no Litoral do Paraná. O projeto é pioneiro e tem o objetivo de identificar por meio de digital, com ferramentas mobile, os autores de delitos de menor potencial ofensivo. Além das viaturas, a tecnologia implantada nos cartórios objetiva agilizar os procedimentos de lavratura de Termos Circunstanciados de Infração Penal (TCIP), com a identificação, em consulta aos bancos de dados da Secretaria de Estado da Segurança Pública, de todos os indivíduos autores de ilícitos penais.

Há ainda o reconhecimento facial. Na semana passada os dispositivos de identificação biométrica foram instalados em três viaturas do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) e serão utilizadas ao longo da temporada no Litoral, buscando aperfeiçoamento de procedimentos. Ao final do Verão Paraná 2017/2018 os resultados serão analisados para verificar a possibilidade de implantação em toda a corporação até o final de 2018.

Este projeto servirá como prova de conceito, que possibilitará a tomada de decisão quanto à utilização da tecnologia. Além da tecnologia embarcada, a novidade faz parte de um projeto da PMPR que busca a implantação dos cartórios para lavratura de Termo Circunstanciado Eletrônico em todas as unidades operacionais da corporação. Os quarteis de Matinhos, Guaratuba e Pontal do Paraná contam com o dispositivo para identificação de noticiados (autores).

 As bases de registro eletrônico de Termo Circunstanciado estão em franca expansão pelas unidades operacionais da PM no Paraná, incluindo os municípios litorâneos abrangidos pela Operação Verão 2017/2018. O sistema de biometria também possibilita ao setor de planejamento da PM maior eficiência. “Incentivamos o projeto e com certeza esta tecnologia auxilia o trabalho da PM, em questões de estatísticas, em todo o Paraná. A partir de agora fomentamos as estruturas para que o projeto evolua”, explica o chefe de Planejamento da PM, tenente-coronel Valdir Tedeschi.

Mega-sena da virada de R$ 280 milhões é o maior prêmio da história


A Mega-Sena da Virada vai pagar o maior prêmio da história da loteria brasileira em 2017. A estimativa da CEF é de R$ 280 milhões que serão sorteados no último dia do ano. Na mega da virada o prêmio não acumula, se não houver acertadores para as seis dezenas, o prêmio é rateado entre quem acertar cinco números, quatro ou por ai vai.

Já se um sortudo levar o prêmio sozinho, se o montante for aplicado na poupança, ele vai receber rendimentos de R$ 1,2 milhão por mês. As apostas individuais ou bolão podem ser feitas até as 14h desta o dia 31 de dezembro.

Depois de apagão túnel de luz de natal funcionará até dia 31/01 em Maringá

Foto: Prefeitura de Maringá

Um ato de vandalismo na madrugada de natal atrapalhou os planos de quem pretendia tirar fotos numa das principais atrações do natal em Maringá. Segundo o diretor de Turismo de Maringá Amarido Torres, a iluminação do famoso túnel de luz da praça da prefeitura sofreu uma pane e deu um apagão porque jovens desencaparam a fiação de algumas lâmpadas e como estava com o tempo chuvoso e houve um curto circuito e as lâmpadas desligaram.

O problema segundo a prefeitura, foi causado por um grupo de jovens que desencapou a fiação para ascender  narguilé. Por conta deste problema a atração permanecerá por mais tempo. A prefeitura decidiu estender a permanência do túnel com mais de 80 mil lâmpadas até do dia 31 de janeiro de 2018.

As demais atrações do natal encantada de Maringá seguem até o dia 6 de janeiro conforme programação já estabelecida pela prefeitura de Maringá.

Aumentam casos de incêndios em Maringá


O número de ocorrências por incêndio aumentou em Maringá. Dezembro nem terminou, mas já ultrapassou os dois últimos meses inteiros na quantidade de incêndios atendidos pelo Corpo de Bombeiros.

O órgão atendeu 37 incêndios em Outubro, 31 em novembro e 50 até essa terça-feira (26/12). Incêndios em terrenos baldios lidera o ranking dos três locais com mais ocorrências, registrando 25 chamados nesses últimos três meses. Incêndios em automóveis e em residências vem logo atrás, com 20 ocorrências cada. Em terceiro, incêndios em pastagem, com 9 chamados do tipo no mesmo período.

Diante desses números, o Corpo de Bombeiros faz um alerta a população para redobrar os cuidados e evitar esses tipos de ocorrências. “Para evitar incêndios é importante que os proprietários deixem os terrenos limpos, que cuidem de toda parte elétrica da residência e façam a manutenção dos carros com frequência, sem esquecer os extintores”, diz a Tenente do Corpo de Bombeiros Luisiana Guimarães Cavalca. Em caso de incêndio, ligar para o Corpo de Bombeiros no 193.

‹‹ Postagens mais recentes