Buscar
  • Oséias Miranda

Com apoio da Prefeitura, Samu inova e vai realizar transfusão de sangue no local da ocorrência



Com projeto inovador, a Unidade Aérea do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Maringá está apta a realizar transfusão de sangue para vítimas de hemorragia no local da ocorrência, independentemente do lugar em que o paciente esteja. A iniciativa, fruto da parceria do Samu com a Prefeitura de Maringá, Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), Consórcio Público Intermunicipal de Gestão da Amusep (Proamusep) e o Hemocentro Regional, é pioneira no Brasil no atendimento aéreo com protocolos europeus de segurança. O novo recurso traz ainda mais agilidade nos atendimentos e resulta em mais vidas salvas.

O prefeito Ulisses Maia participou do lançamento do serviço nesta segunda-feira, 17, na Unidade Aérea do Samu localizada no Aeroporto Regional de Maringá. Ele destacou a importância do trabalho da equipe, que agora passa a ser referência nacional com a transfusão de sangue. “O Samu é motivo de orgulho e realiza um trabalho importante em toda a nossa região nos municípios da Amusep. Com essa experiência, vamos salvar muitas vidas”, disse.

Nos últimos seis meses, mais de 50% das vítimas atendidas sofreram acidentes graves e poderiam ser enquadradas no protocolo de transfusão de sangue no local da ocorrência. O coordenador do Samu Norte Novo, Maurício Caetano, explicou que o novo serviço é um fator decisivo para a sobrevivência do paciente. “Antes, era necessário levar esse paciente até o hospital, o que poderia durar até 60 minutos. Agora conseguimos atender ele ali no local mesmo, dentro das ferragens de um acidente, se for o caso.”

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Banner---970-x-100-px.jpg