Buscar
  • Oséias Miranda

Representante do Movimento em Defesa do CAP/UEM apresenta problemas aos vereadores de Maringá



A senhora Grace Magalhães, representante do Movimento em Defesa do Colégio de Aplicação Pedagógica da Universidade Estadual de Maringá - CAP/UEM, falou aos vereadores de Maringá sobre a precarização das condições de trabalho e a prestação de serviços no Colégio. O convite para a participação da representante na sessão desta terça-feira (7) foi da vereadora Ana Lúcia Rodrigues.

Ela explicou que no momento eles enfrentam muitas dificuldades. “Somos um coletivo de pais e responsáveis pelos alunos que nos unimos para discutir os problemas da escola, no momento estamos com falta de funcionários para a execução de funções básicas de limpeza, manutenção e secretaria. E o maior problema que identificamos está relacionado à terceirização, que tem sido imposta às escolas desde 2020.”

Grace informou que hoje o Colégio atende mais de mil alunos e não tem orçamento adequado para atender todas as necessidades. “Nossa educação precisa ser prioridade. Convidamos toda a sociedade para discutirmos os problemas e como enfrentá-los. Queremos o apoio dos vereadores nessa luta por melhores condições para nossas escolas.”

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Instagram
Banner---970-x-100-px.jpg